09 Dicas matadoras para gabaritar a Redação do Enem 2016

O Exame Nacional do Ensino Médio – Enem é uma prova elaborada pelo Ministério da Educação – MEC para verificar o domínio de competências e habilidades dos estudantes que concluíram o ensino médio. O ENEM é composto por quatro provas de múltipla escolha e uma redação.

Estar preparado para a Redação ENEM 2016 (Foto: Divulgação)

Estar preparado para a Redação ENEM 2016 (Foto: Divulgação)

A prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias traz questões sobre as disciplinas de História, Geografia, Filosofia e Sociologia. A de Ciências da Natureza e suas Tecnologias cobra conhecimentos de Química, Física e Biologia. Linguagens, Códigos e suas Tecnologias envolve questões de Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação. Já a prova de Matemática e suas Tecnologias tem questões de Matemática (Geometria e Álgebra).

A Redação do ENEM testa cinco competências: 1 – Demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita; 2 – Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista; 3 – Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos; 4 – Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação; 5 – Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Dicas de estudo para gabaritar a Redação do Enem 2016

Para obter êxito e alcançar os objetivos traçados para o ENEM 2016, o primordial é exercer uma organização e planejamento para estudo diário visando à Redação Enem 2016. Confira abaixo algumas dicas importantes para o estudo:

Conheça a forma mais eficaz de se dar bem no ENEM (Foto: Divulgação)

Conheça a forma mais eficaz de se dar bem no ENEM (Foto: Divulgação)

Estabeleça uma meta diária de dedicação: Nada de estudar somente quando dá vontade. É necessário assumir um compromisso com você mesmo e segui-lo a risca, independentemente de serem duas, três ou cinco horas de estudo por dia. O importante aqui é se dedicar.

Escolha um lugar tranquilo e mantenha o foco: Esqueça televisão, rádio ou namorado(a) na hora dos estudos. Caso não escolha um bom lugar, certamente você não conseguirá manter o foco e seu rendimento irá cair drasticamente. Defina, também, qual matéria vai estudar em cada dia da semana.

Aula dada é aula estudada: Se você faz cursinho de manhã, a dica é estudar sempre a aula que teve no dia.

Estude até o começo da noite e de segunda a sábado: Para quem vai no cursinho pela manhã, o melhor é começar a estudar às 15h e manter os estudos até às 19h. Depois disso, tire uma hora, de preferência antes da janta, para ler jornais e revistas. O estudante que consegue manter uma rotina de estudos de segunda a sexta, deve aproveitar o sábado para revisar o conteúdo visto durante a semana. O domingo deve ser de descanso. Já para aqueles que trabalham e fazem cursinho a noite, ou vão à escola pela manhã e ao cursinho à tarde, deve aproveitar o final de semana para estudar a matéria que teve durante a semana no curso pré-vestibular.

Dicas para gabaritar a Redação do Enem 2016

Modere no estrangeirismo: Palavras como “ranking” ou “show” foram incorporadas à nossa língua e podem ser usadas tranquilamente. Você precisa ter cuidado é com o exagero de palavras em outros idiomas, elas podem empobrecer sua redação.

Fique atento às regras da Redação ENEM (Foto: Divulgação)

Fique atento às regras da Redação ENEM (Foto: Divulgação)

Evite ser enrolar no seu texto: Utilizar mil verbos para dizer algo que poderia ser dito com um ou dois torna a leitura cansativa e arrastada. Mostrar poder de sintaxe, sendo o mais coeso possível, lhe dará pontos no final. Evite também períodos muito longos.

Não utilize gírias: A não ser que esteja absolutamente dentro do contexto (se estiver sendo usada para exemplificar a fala dos jovens atualmente, em um texto sobre a adolescência, por exemplo), as gírias não são aconselhadas.

Cuidado com a letra: Como as redações do Enem são escritas à mão (e de caneta, o que torna a escrita mais escorregadia e menos aderente do que com um lápis ou lapiseira), subentende-se que quem vai ler o que você escreveu precisa entender sua letra. Se sua letra é ilegível, a leitura pode tornar-se cansativa e de difícil.

Vírgula separando o sujeito do verbo: Esse é o erro que mais incomoda os professores e também o mais recorrente entre os alunos. Se você, às vezes, comete essa gafe, cole esta frase num lugar em que você passe os olhos todos os dias: “sujeito e verbo não podem ser separados por vírgula”. O motivo é bastante simples: eles são partes fundamentais de uma oração.

É fundamental estudar e estar bem preparado para Redação ENEM (Foto: Divulgação)

É fundamental estudar e estar bem preparado para Redação ENEM (Foto: Divulgação)

A importância da redação no ENEM 2016 é muito grande. Mesmo não sendo muito usada em áreas como exatas, a escrita é diária e a vantagem de saber mais e escrever melhor aumentam, ainda mais quando se escrevem textos. Os fatos de muitos não passarem no ENEM são porque erram uma quantia absurda em ortografia, sintaxe e outros itens na prova.

Veja os possíveis temas de Redação ENEM 2016!

Em muitos textos, os corretores acham coisas absurdas escritas, que não levam ao assunto requerido pela prova do ENEM. Mesmo que em muitos outros cursos não seja preciso, de certa forma, da língua portuguesa, é necessário ao menos aprender a escrever um texto gramaticalmente correto. A escrita é diferente em cada área, mas por mais que seja diferente todos escrevem diariamente. Uma carta, uma mensagem, uma palavra. É necessário se aprender o básico em textos e produções de texto. Esse é o desafio que o ENEM 2016 quer passar para os estudantes.

Recomendados para você: